O setor empresarial cearense via-a-vis o setor empresarial brasileiro em 2012

PEDRO JORGE RAMOS VIANNA

Professor Titular da UFC. Aposentado

Utilizando as estatísticas apresentadas na publicação “Valor 1000”, (Valor, 2013) apresento a seguir a relação das maiores empresas do Ceará, classificadas por “Receita Líquida”, para o ano de 2012, conforme Quadro 1, a seguir.

QUADRO 1

AS EMPRESAS CEARENSES NO “RANKING” DAS 1000 MAIORES EMPRESAS NACIONAIS

EMPRESACLASSIFICAÇÃO ENTRE AS 1000 MAIORES EMPRESAS DO BRASILRAMO DE ATIVIDADERECEITA LÍQUIDA EM R$ MILHÕES
M. Dias Branco117Alimentos3.545,2
Farmácia Pague Menos137Comércio Vare gista3.137,9
Grendene219Têxtil, Couro e Vestuário1.882,3
Três Corações Alimentos224Alimentos1.813,6
Aço Cearense236Metalurgia e Siderurgia1.703,1
Norsa283Bebidas e Fumo1,418,1
J. Macedo334Alimentos1.217,8
Vicunha Têxtil343Têxtil, Couro e Vestuário1.170,2
ARM Telecom348Construção e Engenharia1.139,6
Cagece466Água e Saneamento823,9
Esmaltec489Eletroeletronica785,6
Marquise552Construção e Engenharia679,2
Dass Nordeste562Têxtil, Couro e Vestuário662,6
Moinho Cearense858Alimentos379,7
Dakota Nordeste928Têxtil, Couro e Vestuário341,3
Distribuidora Fartura941Comércio Vare gista335,6
Porto do Pecem Geração de Energia950Energia elétrica333,1
Fundação Edson Queiroz989Serviços Especializados313,8
Fonte: “1000 Maiores Empresas e as Campeãs em 25 Setores”.
Valor 1000, Ano 13, Número 13, Agosto 2013

A análise, por setor, dessas 18 empresas que fazem parte do “ranking” das 1.000 maiores empresas nacionais, mostra que os setores mais importantes em termos da renda líquida do setor industrial, são Alimentos e Têxtil, Couro e Vestuários (oito empresas) mostrados no Quadro 2, a seguir.

QUADRO 2

AS EMPRESAS CEARENSES NO “RANKING” DAS 1000 MAIORES EMPRESAS BRASILEIRAS

SETORESNÚMERO DE EMPRESASSOMA DA RECEITA LÍQUIDA EM R$ MILHÕES
Alimentos46.956,3
Têxtil, Couro e Vestuário44.056,4
Comércio Varegista23.473,5
Construção e Engenharia21.818,8
Metalurgia e Siderurgia11.703,1
Bebidas e Fumo11,418,1
Água e Saneamento1823,9
Eletroeletrônica1785,6
Energia elétrica1333,1
Serviços Especializados1313,8
TOTAL1821.682,6
Fonte: Quadro 1

Qual o peso dessas empresas na economia cearense? Apenas como uma “proxy”, vamos considerar o PIB do Ceará em 2012. As estimativas do IPECE (IPECE, 2013), apontam (estimativa) para um valor de R$94.655,0 milhões. Portanto, estas 18 empresas responderiam por 22,91% do que é produzido no Estado.

Este fato dá a idéia da concentração econômica existente no sistema econômico estadual. Tal concentração pode ser uma verdadeira “espada de Dâmocles” para o sistema econômico, pois basta que um desses setores entre em crise para se ter um grande problema a resolver.

É importante verificar que em termos de indústria de transformação (o mais importante ramo industrial no Estado) apenas cinco setores aparecem neste “ranking”, quais sejam: Alimentos, Têxtil, Couro e Vestuário, Metalurgia e Siderurgia, Bebidas e Fumo, Eletroeletrônica.

BIBLIOGRAFIA

VALOR; 1000 Maiores Empresas e as Campeãs em 25 Setores”.

Valor 1000, Ano 13, Número 13, Agosto 2013.

IPECE; www.ipece.ce.gov.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.