FGV: confiança da indústria atinge menor patamar desde julho de 2020

Por Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

O Índice de Confiança da Indústria (ICI), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), caiu 1,7 ponto de janeiro para fevereiro deste ano. Essa foi a sétima queda consecutiva do indicador, que atingiu 96,7 pontos, em uma escala de 0 a 200 pontos, o menor nível desde julho de 2020 (89,8 pontos).

De acordo com a FGV, o Índice Situação Atual (ISA), que mede a confiança do empresário da indústria no presente, caiu 1,3 ponto, para 98,5 pontos, menor valor desde agosto de 2020 (97,8 pontos). O componente que mede a situação atual dos negócios foi o que mais contribuiu para o resultado.

O Índice de Expectativas (IE), que mede a confiança no futuro, recuou 2,2 pontos para 94,9 pontos, menor patamar desde julho de 2020 (90,5 pontos), puxado principalmente pelo componente de tendência dos negócios para os próximos seis meses.

Segundo a fundação, o Nível de Utilização da Capacidade Instalada recuou 0,8 ponto percentual, para 79,9%.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: Agência Brasil

Fotografia: CNI/Miguel Ângelo/Direitos reservados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.