Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC

Fonte: Agência Brasil, publicado em 08 de Novembro de 2018


Por Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil | Rio de Janeiro

 

O percentual de inadimplentes, ou seja, de pessoas com dívidas e contas em atraso, chegou a 23,5% em outubro deste ano no país, taxa inferior aos 23,8% do mês anterior e aos 26% de outubro do ano passado. O dado foi divulgado hoje(8) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

 

De acordo com o levantamento, o percentual de endividados (ou seja, pessoas que têm dívidas não necessariamente em atraso) ficou em 60,7% em outubro, o mesmo percentual de setembro, mas abaixo dos 61,8% de outubro de 2017.

 

Já as famílias que não terão condições de pagar suas contas ficaram em 9,9% em outubro deste ano, o mesmo percentual de setembro, mas abaixo dos 10,1% de outubro do ano passado.

 

O cartão de crédito foi apontado em primeiro lugar como um dos principais tipos de dívida por 77,4% das famílias endividadas, seguido por carnês, para 14,5%, e, em terceiro, por financiamento de carro, para 10,1%.

 

Entre as famílias com contas ou dívidas em atraso, o tempo médio de atraso foi de 65,3 dias em outubro deste ano, acima dos 63,8 dias de outubro de 2017. O tempo médio de comprometimento com dívidas entre as famílias endividadas em outubro deste ano foi de sete meses.

 

Edição: Maria Claudia