Cenário para 2013 prevê saldo comercial 20% menor

Fonte: Agência Brasil, publicado em 18 de Dezembro de 2012


Mariana Branco
Repórter da Agência Brasil

 

Brasília - O ano de 2013 será mais fraco do que 2012 para a balança comercial brasileira, previu hoje (18) a Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB). A entidade projetou superávit de US$ 14,6 bilhões para o ano que vem, 20% inferior ao saldo de US$ 18,2 bilhões estimado para o fechamento de 2012. A AEB prevê ainda exportações de US$ 239,6 bilhões para o ano que vem (1,1% inferiores às previstas para este ano) e importações de US$ 225 bilhões (0,4% superiores à estimativa para 2012).

 

Em 2012, a balança comercial está sofrendo os efeitos da crise internacional e do retraimento de mercados tradicionais das exportações brasileiras. A elevação das importações também está influindo nos saldos pouco expressivos. Ontem (17), os resultados da balança comercial na segunda semana de dezembro divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) mostraram superávit acumulado no ano de US$ 17,9 bilhões. No mês de novembro, a balança teve déficit de US$ 186 milhões, pior resultado para o período em 12 anos.

 

O governo não divulga previsão para o saldo da balança, mas trabalha com metas de exportação. Para 2012, a meta foi fixada em US$ 264 bilhões no início do ano e até o momento não houve revisão oficial da estimativa.


Edição: Nádia Franco