PAC 2: 97% das obras de saneamento estão contratadas

Fonte: Agência Brasil, publicado em 19 de Novembro de 2012


Luciene Cruz, Pedro Peduzzi e Wellton Máximo
Repórteres da Agência Brasil

 

Brasília - A segunda etapa do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC 2) selecionou, desde 2011, 628 empreendimentos na área de saneamento. Do total, 97% foram contratados, totalizando R$ 9,4 bilhões em investimentos. Entre 2007 e 2009, o programa contabilizou R$ 25 bilhões, aplicados em 3.652 obras em todo o país.

 

Os recursos foram aplicados em obras de esgoto sanitário, manejo de resíduos sólidos e saneamento integrado – que fazem parte do Cidade Melhor, um dos eixos desenvolvidos no PAC 2. O total selecionado vai beneficiar 3.450 municípios nas 27 unidades da Federação.

 

Segundo o Ministério do Planejamento, empreendimentos, como a despoluição dos rios dos Sinos, Guaíba e Gravataí, no Rio Grande do Sul, estão em estágio avançado. Ao todo, sete municípios do estado serão beneficiados. Além disso, entre os serviços em andamento, a execução média é 63%.

 

Durante o quinto balanço do programa, feito hoje (19), o governo anunciou que, desde o ano passado, foram selecionados 82 empreendimentos para a execução de obras de drenagem, com o objetivo de prevenir enchentes e controlar inundações em 73 municípios, localizados em 18 estados. As obras totalizam R$ 4 bilhões em investimentos.

 

Além disso, 116 projetos contratados a partir do ano passado, a um custo de R$ 595,3 milhões, ajudarão na contenção de encostas, prevenindo a ocorrência de deslizamentos em 71 municípios de dez estados – todos em áreas consideradas de risco.

 

Para a melhoria da pavimentação e qualificação das vias, o PAC 2 selecionou 145 municípios. Cerca de 64% estão com obras em andamento. Este ano foi iniciada a segunda seleção que destina R$ 5,8 bilhões para a pavimentação de ruas existentes e localizadas em áreas populosas.


Edição: Carolina Pimentel