Título de responsabilidade do Banco Central do Brasil, emitido para fins de política monetária, exclusivamente sob a forma escritural, no Selic. Título de rentabilidade prefixada ou de rentabilidade pós-fixada definida pela Taxa Selic



Quociente da divisão de preço de uma ação no mercado. Assim, o P/L é o número de anos que se levaria para reaver o capital aplicado na compra de uma ação, pelo recebimento do lucro gerado por uma empresa. Para tanto, torna-se necessário que se condicione essa interpretação à hipótese de que o lucro por ação se manterá constante e será distribuído todos os anos.



Posto Avançado de Atendimento é a dependência de banco múltiplo com carteira comercial, de banco comercial e de caixa econômica instalada em praça desassistida de serviços bancários prestados por agência ou outro PAA dessas instituições.



Posto de Atendimento Bancário é aquele instalado por instituição financeira em recinto interno de entidade da administração pública ou de empresa privada, destinado a prestar serviços de exclusivo interesse da instituição hospedeira. Está sempre subordinado a uma agência no mesmo município. Pode ter horário de atendimento diferenciado.



É o sistema monetário internacional onde algumas moedas passam a fazer parte das reservas internacionais.



Valor, ou matéria, convencionalmente adotado com base do sistema monetário de um ou de vários países, e em relação ao qual serão definidos os outros tipos de moeda, e particularmente as unidades monetárias.



Diz-se do sistema internacional onde a unidade monetário é permutável por uma quantidade fixa de ouro.



É uma das formas de extinção de uma obrigação, caracterizando-se pelo cumprimento voluntário desta pelo devedor, geralmente pela entrega de dinheiro ao credor. Feito o pagamento, a obrigação é solucionada (solutio) e o devedor é liberado da obrigação.



Valor a ser pago ao exportador estrangeiro em razão de condições negociais onde se estabeleça que o pagamento total ou parcial da mercadoria comprada deve ocorrer, em tempo certo, em um determinado período de tempo após o embarque da mercadoria no exterior ou, em alguns casos, em data certa.



Valor a ser pago ao exportador estrangeiro em razão de condições negociais em que se estabeleça que o pagamento total ou parcial da mercadoria comprada deve ocorrer a partir da apresentação dos documentos de embarque ao importador ou ao seu preposto.



Valor a ser pago ao exportador estrangeiro por força de condições contratuais em que se estabelece que o pagamento total ou parcial da mercadoria comprada deve ocorrer anteriormente ao seu embarque no exterior.



Mecanismo em um sistema de liquidação de moedas estrangeiras que assegura que a transferência definitiva de uma moeda ocorre se, e somente se, a transferência definitiva da outra ou outras moedas também ocorrer.



Despesas em virtude de sentenças judiciárias. Far-se-ão exclusivamente na ordem cronológica de apresentação dos precatórios e à conta dos créditos respectivos. As dotações orçamentárias e os créditos adicionais serão consignados ao Poder Judiciário, nos Tribunais responsáveis pelas sentenças.



Capital que foi integralizado.



Alegoria ou motivo que lembra a cultura do país emissor, referindo-se, geralmente, a aspectos históricos, sócio-econômicos ou artísticos.



O Credor troca seu crédito antigo por PAR BOND na proporção de um por um. O papel tem garantias colaterais de principal e juros sujeitas a injuções do desembolso escalonado das garantias (Phase in) previstas no Acordo. O prazo é de 30 anos. Os juros começam com o percentual de 4% ao ano, no primeiro ano; 4,25% no segundo ano; 5% no terceiro ano; 5,25% no quarto; 5,5% no quinto; 5,75 no sexto e 6% do sétimo ao trigésimo anos. Foi trocado pelas NTN-A3. Não houve deságio na transação. A dívida foi tomada pelo seu valor contábil.



O valor oficial da moeda de uma nação expresso em termos de uma quantidade de ouro ou de outra moeda.



Países ou dependências com tributação favorecida ou que oponham sigilo relativo à composição societária de pessoas jurídicas, conforme relação publicada pela Instrução Normativa SRF 188, de 6 de agosto de 2002.



É o valor para comprar ou vender dólar fora dos meios oficiais de conversão, geralmente realizada através de doleiros. Também conhecido como dólar black ou câmbio negro.



É um título emitido quando do Acordo de Financiamento Paralelo.