Papel acoplado ao BÔNUS DE DINHEIRO NOVO. Prazo de 18 anos, com 10 anos de carência. Paga a taxa LIBOR de seis meses, mais sete oitavos. O pagamento do principal é feito em 17 prestações semestrais. Trocado pelas NTN-A7. DISCOUNT BOND - DC. O Credor paga sua dívida antiga pelo eqüivalente a 65% de seu valor em DISCOUNT BONDS. O prazo do papel é de 30 anos, com juros da LIBOR de seis meses mais treze sobre dezesseis avos (null,8125%). Inclui garantias do principal e dos juros, sujeitas a escalonamento parcial. O Brasil deposita como garantia 12 meses de juros em dinheiro, e o valor integral do BÔNUS em títulos do governo americano de cupom zero. Foi trocado pelas NTN-A4.



Jargão utilizado no mercado financeiro que expressa o dia da operação e o dia da sua liquidação. D+0= hoje; D+1= amanhã; D+2= depois de amanhã; e assim por diante.



Data inicial, estabelecida no contrato, para cálculo da variação do índice de custos ou preços.



Data de registro em pregão da operação de compra ou venda a vista das ações-objeto da opção.



É a data do registro, pela EAPP, da propostade inscrição do interessado em participar do plano de previdência, concomitantemente à comprovação do pagamento da primeira contribuição.



O dia em que se extingue o direito de uma opção.



Data em que uma ação começará a ser negociada ex-direito (dividendo, bonificação, subscrição), na bolsa de valores.



É o último dia do mês ou semestre civil (Independentemente de ser dia útil ou não), com base no qual são elaboradas as demonstrações financeiras e demais informações solicitadas.



É o prazo regulamentarmente concedido para a entrega/fornecimento das informações solicitadas pelo Banco Central. Sempre que a data-limite coincidir com dia não útil, fica ela automaticamente postergada para o dia útil imediato.



Data em que um título de crédito foi emitido.



Ordem de negócios do dia.



Especulador que não conserva posições de um dia para o outro.



Comprar e vender, no mesmo dia, a mesma quantidade de títulos de uma empresa, utilizando para isso a mesma Corretora e também o mesmo Agente de Compensação. A diferença do preço de compra para o preço de venda, multiplicado pela quantidade das ações (considerando também as taxas da operação e os impostos), é o resultado do day trade.



Realização de uma operação financeira e sua liquidação no mesmo dia, ou seja, a compra e venda do mesmo ativo, na mesma quantidade, no mesmo dia e pela mesma sociedade corretora. Dessa forma, o investidor permanece com a posição de investimento inalterada, porém realiza ganhos ou perdas com a operação.



Livro contábil obrigatório no qual se faz a escrituração dos fatos ocorridos em ordem cronológica.



FTSE's FTP site used to distribute end of day data files to clients.



Negócio, Transação.



Todo ato por meio do qual uma unidade econômica manifesta sua participação na vida econômica.



São instituições credenciadas pelo Banco Central a participar dos leilões informais de câmbio e títulos públicos. Os dealers são escolhidos dentre os bancos mais ativos no mercado. Eles têm a responsabilidade de informar os demais bancos sobre o leilão informal. Bancos que falham com essa obrigação são descredenciados pelo Banco Central.



São os bancos por meio dos quais o Bacen atua no mercado de câmbio, são escolhidos dentre as instituições autorizadas a operar em câmbio, segundo critérios de volume de negócios e qualidade na prestação de informações ao Banco Central (Carta Circular 3.027).